14 MAI | A imaginação ao poder: Maio 68, 50 anos depois

Dia 14 de maio, participe neste evento de comemoração dos 50 anos após os protestos que marcaram a história, em maio de 1968. O seminário terá lugar às 18h, no Auditório B2.03 (Ed. II, piso 2, ISCTE-IUL).

A vaga de protestos que atravessou a Europa no final da década de 1960 é vista ainda hoje como um momento de charneira da história contemporânea global. A mobilização política de elementos da sociedade como estudantes, trabalhadores, mulheres, que se insurgiram contra a tradicional organização das sociedades onde estavam inseridos, criou um movimento normalmente associado à contracultura, movimento nascido neste período. De Washington a Berlim, de Praga a Paris, um pouco por todo o mundo viveram-se momentos de grande agitação política. Neste processo, de protesto generalizado, ganharam particular destaque os protestos estudantis, até então relativamente pouco mobilizados politicamente.

Também em Portugal, apesar da vigência do Estado Novo, se fizeram sentir as agitações e inquietações da juventude. A natureza ditatorial do regime justifica a sua chegada tardia, e a presença de um conflito militar colonialista dá ao movimento estudantil características específicas em Portugal. Assim, iremos neste evento assinalar o 50º aniversário dos eventos de Maio de 1968, com um olhar particular sobre o que se passou em Portugal.

Este seminário, organizado em conjunto pelo Centro de Estudos Internacionais (CEI-IUL) e pelo Núcleo de Estudantes de História Moderna e Contemporânea (NEHMC) do ISCTE-IUL, contará com três intervenções, às quais se seguirá um debate com a audiência:

Ana Mónica Fonseca (CEI-IUL) | “’Sejamos realistas, exijamos o impossível’: O contexto internacional dos eventos de 1968” sobre o contexto internacional dos eventos de finais da década de 1960, intitulada

Guya Accornero (CIES-IUL) | “A revolução antes da revolução: o movimento estudantil português nos ‘Global Sixties’” com uma caracterização generalizada do movimento estudantil português

Riccardo Marchi (CEI-IUL) | “Make War with Love: o movimento estudantil em prol do Império” em que irá analisar o movimento estudantil nacionalista em Portugal.

A sessão será moderada por Tiago Luzio do NEHMC, e aberta a todos os que quiserem participar.

CC BY-NC-SA 4.0 This work is licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial-ShareAlike 4.0 International License.

CEI IUL

CEI-IUL (Center for International Studies) is a university-based multidisciplinary research center of the University Institute of Lisbon (ISCTE-IUL). CEI-IUL aims at promoting interdisciplinary research in Social Sciences, International Relations and Economy, focusing in its areas of geographic specialisation: Africa, Asia, Europe, and Transatlantic Relations.

Leave a Reply