Jorge Argüello e as Eleições nos EUA: Entrevista ao DN

Jorge Argüello, ex-embaixador argentino nos EUA e em Portugal, foi convidado pelo CEI-IUL para dar uma conferência no ISCTE-IUL sobre as eleições presidenciais nos EUA e sobre as consequências dos resultados eleitorais para a política externa do país. A este propósito, foi entrevistado pelo Diário de Notícias.

Foi estudante no Indiana, regressou como embaixador argentino junto da ONU e viveu em Nova Iorque, por fim instalou-se em Washington como embaixador nos Estados Unidos. Pode confirmar que há várias Américas?

Vivi em três locais diferentes, em três momentos diferentes. Na década de 1970, estive um ano e meio a estudar no que é um típico estado do Midwest americano. Aí, no Indiana, pude conhecer o que são os Estados Unidos profundos. Em 2007 nomearam-me embaixador junto das Nações Unidas e instalei-me em Nova Iorque, que é a mais icónica cidade do país e paradoxalmente uma cidade que tem muito pouco que ver com o resto dos Estados Unidos. Nos cinco anos em Nova Iorque aprendi a conhecer os Estados Unidos como superpotência, mostrando o seu poder no Conselho de Segurança da ONU. A minha visão completou-se anos mais tarde, quando fui designado embaixador em Washington. Ali encontrei o mundo do aparelho industrial-militar, o congresso e os lobbies. Tudo isto me deu um conhecimento deste país que vi mudar ao longo destas quatro décadas e é sobre essas mudanças que versa o livro que acabo de publicar.

Leia a entrevista na íntegra no Diário de Notícias.

US flags, Photo by  Lipton sale / CC BY-SA 3.0

CC BY-NC-SA 4.0 This work is licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial-ShareAlike 4.0 International License.

CEI IUL

CEI-IUL (Center for International Studies) is a university-based multidisciplinary research center of the University Institute of Lisbon (ISCTE-IUL). CEI-IUL aims at promoting interdisciplinary research in Social Sciences, International Relations and Economy, focusing in its areas of geographic specialisation: Africa, Asia, Europe, and Transatlantic Relations.

Leave a Reply