COVID-19: “O regime chinês mostrou as suas habituais facetas”

O Diretor do Departamento de Relações Internacionais da Universidade Autónoma de Lisboa e investigador do OBSERVARE/UAL, Luís Tomé, foi ouvido pelo DN a propósito da sua participação hoje às 18h na sessão online organizada pelo CEIe pelo Instituto de Defesa Nacional, com o apoio do Diário de Notícias, dedicada ao tema “Espaço Euroasiático em tempos de Covid-19.” Na sessão, moderada por Cátia Miriam Costa (CEI), irão participar também Licínia Simão (FEUC) e Vasco Rato (IDN).

Segundo o investigador, a resposta da China à pandemia causada pelo COVID-19 pautou-se pela “repressão e a vigilância exacerbada sobre a população chinesa, o estrito controlo da informação e a falta de transparência sobre o novo coronavírus, a sua propagação e os dados reais de infetados e mortos.”

Leia a entrevista na íntegra no site do DN.

As opiniões expressas neste texto representam unicamente o ponto de vista do autor e não vinculam o Centro de Estudos Internacionais, a sua direcção ou qualquer outro investigador.

Photo by Martin Sanchez on Unsplash

CC BY-NC-SA 4.0 This work is licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial-ShareAlike 4.0 International License.

CEI IUL

CEI-IUL (Centre for International Studies) is a university-based multidisciplinary research center at ISCTE - Instituto Universitário de Lisboa (ISCTE-IUL). CEI-IUL aims at promoting interdisciplinary research in Social Sciences, International Relations and Economy, focusing in its areas of geographic specialisation: Africa, Asia, Europe, and Transatlantic Relations.

Leave a Reply