Um balanço sobre a conferência “Social Solidarity Economy and the Commons”

Entre os dias 6 e 8 de novembro de 2019 foi realizada a segunda edição da conferência “Social Solidarity Economy and the Commons: Contributions to the Deepening of Democracy”.

Os organizadores da conferência se propuseram a co-criar um espaço aberto, interdisciplinar e transdisciplinar para o intercâmbio de conhecimentos e experiências sócio-políticas sobre novas abordagens para organização e governança econômica baseadas em solidariedade, cooperação e propriedade comum em todo o mundo.

Está conferência pretende constituir-se com como mais um ponto de encontro na ampla rede de pesquisadores, professores, ativistas e estudantes interessados em desenvolver pesquisas, projetos e recomendações políticas no campo da economia social, solidária e os bens comuns. Deste modo, pode-se definir como grande propósito desta conferência, o interesse pelos processos de organização econômica, regeneração ambiental, experiências de transição e aprofundamento da democracia que subjazem aos estudos e práticas no campo da economia social e solidária e os bens comuns.

A cidade de Lisboa, como no passado, mais um vez foi porto de receção e encontro para diferentes nacionalidades vindas da América Latina, América do Norte, Ásia e Europa. Durante três dias, mais de 100 pesquisadores e estudantes se reuniram no Instituto Universitário de Lisboa (ISCTE-IUL). Nesta ocasião foram apresentados cerca de 80 trabalhos em 10 painéis, contendo resultados de pesquisa, trabalhos em andamento e teses de mestrado e doutorado, além disto, cerca de 25 conferencistas se apresentaram em 8 sessões plenárias e research derby, entre eles, Donatella Della Porta, Jean-Louis Laville e Genauto França Filho. Ainda fomos brindados com oficinas de pesquisa-ação, além uma sessão de Networking e Showcase, recebendo algumas organizações portuguesas de economia social e solidária, como: Biovilla, CIDAC Loja de Comércio Justo, Horta FCUL, Instituto de Permacultura Ná Lu’um, Quinta Pedagógica da Caria e o Núcleo de Sustentabilidade do ISCTE-IUL.

Em breve serão apresentadas ao público dois livros editados que incluem os melhores trabalhos selecionados nas últimas edições desta conferência. O referente à edição de 2018 terá formato digital e será publicado na coleção E-book’IS do CEI-IUL. O referente à edição de 2019 será publicado por uma editora acadêmica internacional. Através destas publicações, o público poderá ter acesso a uma amostra de qualidade dos trabalhos e temas abordados nesta conferência, também poderá estimular novos participantes à aderir a nossa rede e nos visitar na próxima edição da nossa conferência, que terá lugar em Novembro de 2020 ou 2021. Esperamos por todos vocês!

A conferência é organizada pelo Centro de Estudos Internacionais (CEI-IUL), em parceria com o Departamento de Economia Política do ISCTE-IUL, o Centro de Ecologia, Evolução e Mudanças Ambientais (cE3c) da Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa e a Incubadora de Economia Solidária da Universidade Federal de Alagoas (UFAL, Brasil). 

 

O Comité Organizador:

Ana Margarida Esteves (CEI-IUL)

Leonardo Leal (CEI-IUL/UFAL)

Gil Penha-Lopes (CE3C- FCUL)

Rogério Roque Amaro (CEI-IUL)

André Girardi (CEI-IUL)

 

Mais informações

Fotos

CC BY-NC-SA 4.0 This work is licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial-ShareAlike 4.0 International License.

CEI IUL

CEI-IUL (Centre for International Studies) is a university-based multidisciplinary research center at ISCTE - Instituto Universitário de Lisboa (ISCTE-IUL). CEI-IUL aims at promoting interdisciplinary research in Social Sciences, International Relations and Economy, focusing in its areas of geographic specialisation: Africa, Asia, Europe, and Transatlantic Relations.

Leave a Reply